Se você está pensando em ingressar no mundo da consultoria e abrir seu próprio negócio, uma das primeiras decisões cruciais é escolher o tipo de empresa que melhor se adequa às suas necessidades e objetivos. 

Com tantas opções disponíveis, pode ser desafiador definir a que mais combine com o seu tipo de negócio. No Brasil, o mundo empresarial oferece uma variedade de estruturas legais, cada uma com suas vantagens e desvantagens. 

Neste artigo, vamos explorar detalhadamente os tipos de empresas mais comuns e como você pode escolher a empresa ideal para o seu negócio. 

Boa leitura! 

Tipos de empresa ideal para quem deseja abrir uma consultoria

Quando se trata de abrir uma consultoria, a escolha do tipo de empresa é um passo fundamental para o sucesso do negócio. Existem várias opções disponíveis, cada uma com suas próprias características e requisitos legais. Aqui estão alguns dos tipos de empresa mais comuns e suas principais características:

MEI (Microempreendedor Individual)

O Microempreendedor Individual, ou MEI, é uma opção popular para consultores que estão dando os primeiros passos em seus negócios. Este tipo de empresa é caracterizado pela simplicidade e baixo custo de formalização. 

Além disso, o MEI beneficia-se de uma carga tributária reduzida, o que pode ser especialmente atrativo para empreendedores iniciantes. No entanto, é importante observar que o MEI possui limitações de faturamento anual e de contratação de funcionários.

Empresa individual

A empresa individual é uma escolha para consultores que desejam mais autonomia e controle sobre seu negócio. Neste formato, você é o único responsável pela empresa e responde ilimitadamente pelas dívidas contraídas no exercício da atividade empresarial. 

Embora ofereça maior liberdade na gestão, a empresa individual também implica em maior exposição patrimonial, já que não há separação entre o patrimônio pessoal e o empresarial.

Sociedade simples

Se você prefere trabalhar em parceria com outros profissionais, a sociedade simples pode ser a escolha certa para sua consultoria. 

Neste modelo, duas ou mais pessoas se unem para exercer atividades empresariais, compartilhando responsabilidades, custos e resultados. A sociedade simples oferece uma estrutura flexível e pode ser uma excelente opção para consultorias que buscam combinar diferentes expertises e competências.

Sociedade limitada

A sociedade limitada é uma das formas mais comuns de empresa no Brasil, especialmente para negócios de médio e grande porte. Neste tipo de empresa, a responsabilidade dos sócios é limitada ao capital social investido, o que proporciona uma camada adicional de proteção patrimonial. 

A sociedade limitada oferece uma estrutura mais sólida e segura, tornando-a uma escolha popular entre consultorias que buscam credibilidade e estabilidade.

Sociedade anônima

Para consultorias com planos ambiciosos de crescimento e expansão, a sociedade anônima pode ser a melhor opção. Este tipo de empresa permite a captação de recursos por meio da emissão de ações, tornando possível atrair investidores e financiar projetos de grande porte. 

A sociedade anônima oferece uma estrutura complexa e requer conformidade com regulamentações específicas, mas pode ser uma ferramenta poderosa para consultorias que buscam escalar suas operações.

Como identificar a correta para você?

Ao escolher o tipo de empresa para sua consultoria, é crucial considerar uma série de fatores que impactarão diretamente no sucesso e na sustentabilidade do seu negócio. Aqui estão algumas perguntas que você pode fazer a si mesmo para ajudar na tomada dessa decisão:

  • Porte e natureza do negócio: Qual é o escopo da sua consultoria? Você planeja trabalhar sozinho ou em parceria com outros profissionais? O tamanho e a estrutura do seu negócio influenciarão diretamente na escolha do tipo de empresa mais adequado.
  • Expectativas de crescimento: Você tem planos de expansão para sua consultoria no futuro? Se sim, é importante escolher uma estrutura legal que ofereça flexibilidade e suporte para o crescimento do seu negócio.
  • Grau de proteção patrimonial desejado:Quanto você valoriza a separação entre seu patrimônio pessoal e o da empresa? Se deseja uma maior proteção patrimonial, pode ser mais adequado optar por uma forma jurídica que limite a responsabilidade dos sócios, como a sociedade limitada.
  • Exigências regulatórias do seu setor:Algumas áreas de atuação têm regulamentações específicas que podem influenciar na escolha do tipo de empresa. Certifique-se de conhecer as exigências do seu setor e escolher uma estrutura legal que esteja em conformidade com essas regulamentações.

Avaliar cuidadosamente suas necessidades e objetivos a longo prazo permitirá que você tome uma decisão informada e alinhada com o futuro do seu negócio.

Como definir o regime tributário ideal

Além da escolha do tipo de empresa, é fundamental definir o regime tributário mais adequado para sua consultoria. No Brasil, existem três regimes tributários principais: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real. 

Cada um possui suas próprias características e alíquotas de impostos, por isso é importante avaliar cuidadosamente suas opções e buscar orientação profissional para tomar a melhor decisão.

  • Simples Nacional:Este regime tributário é voltado para micro e pequenas empresas e oferece uma tributação simplificada, com alíquotas reduzidas e unificadas. É uma opção interessante para consultorias com faturamento anual até um determinado limite e que não estejam impedidas de aderir ao Simples Nacional devido a atividades restritas.
  • Lucro Presumido:No Lucro Presumido, a tributação é calculada com base em uma margem de lucro presumida pela Receita Federal. É uma opção para empresas que não se enquadram no Simples Nacional e que não optam pelo Lucro Real. Este regime é mais indicado para consultorias com margens de lucro estáveis e previsíveis.
  • Lucro Real: O Lucro Real exige o cálculo dos impostos com base no lucro líquido efetivo da empresa. É mais complexo que os regimes anteriores, mas pode ser vantajoso para consultorias com margens de lucro variáveis ou que tenham despesas significativas que possam ser abatidas do imposto devido.

A escolha do regime tributário ideal dependerá de diversos fatores, como o faturamento da empresa, sua atividade principal, despesas dedutíveis, entre outros. É recomendável buscar o auxílio de um contador especializado para avaliar as opções e tomar a melhor decisão para sua consultoria.

Conte com a ABRACEM

Sabemos que tomar essas decisões pode ser desafiador, especialmente para empreendedores iniciantes. É por isso que a ABRACEM – Associação Brasileira de Consultores Empresariais – está aqui para ajudar. 

Nossa instituição é dedicada a fornecer suporte e orientação para profissionais e empresas nos setores de consultoria, assessoria e desenvolvimento de negócios. Com uma base institucional sólida, uma estrutura educacional para aperfeiçoamento de competências e uma plataforma de benefícios, a ABRACEM oferece uma variedade de recursos para impulsionar o sucesso do seu empreendimento.

Conheça nosso serviço de consultoria e encontre um consultor

Além disso, contamos com uma equipe de consultores experientes e qualificados, prontos para auxiliá-lo em todas as etapas do seu projeto. Nossos consultores possuem expertise em diversas áreas de atuação e estão preparados para oferecer soluções personalizadas para as suas necessidades específicas.

Entre em contato conosco hoje mesmo e descubra como a ABRACEM pode fazer a diferença para você.